SEX SHAMING: JORNALISTA REBATE MACHISMO COM EMPODERAMENTO

Fonte: http://ondda.com/noticias/2016/12/sex-shaming-jornalista-rebate

Crédito: Reprodução/Facebook Vonny Moyes

Crédito: Reprodução/Facebook Vonny Moyes

Sex shaming (humilhação sexual), ou revenge porn (pornô de vingança), consiste na divulgação de fotos de mulheres nuas ou em atos sexuais sem o consentimento delas. É uma forma de machismo que visa o apedrejamento social delas. Essa é uma prática que ainda se repete e continua causando estrago às vítimas de diferentes formas.

Mas Vonny Moyes, jornalista que escreve para o escocês The National, ao ter seus “nudes” vazados por um usuário do Twitter, deu uma resposta corajosa e com o exemplo de empoderamento, poderá ajudar outras mulheres que sofrem a mesma situação.

A jornalista teve suas imagens publicadas no Reddit e no site pornô XHamster sem a sua autorização. O usuário foi mais ousado e provocador, retirando as fotos do site e postando na rede social, após isso, ainda marcou o nome de usuário de Moyes.

Então, ela pediu ajuda das pessoas para realizar denúncias: “@ianalexanderrfc acabou de encontrar e postar meus nudes. Eu gostaria muito da ajuda de vocês para reporta-lo por isso”, tuitou. Entretanto, depois das publicações, o usuário não pode ser encontrado na rede social.

Vonny fez mais. Ela escreveu uma resposta corajosa ao usuário que divulgou suas fotos: “Acredite ou não, como todas as pessoas eu estou nua sob as minhas roupas. Não estou envergonhada do meu corpo ou de ser sexualizada. Sexo é natural. O que houve de errado aqui foi um abuso de confiança e algo que foi parar nas mãos erradas. Eu me recuso a sofrer sex shaming de você ou de qualquer outra pessoa”, desabafou.

A jornalista continuou alertando que pornô de vingança só é notícia por conta da cultura machista. No dia em que as mulheres não forem tratadas como objetos, aprincesadas e virginizadas, esse pensamento mudará: “O sex shaming nunca está certo. Você não pode me ameaçar com meu próprio corpo – ele é meu, p%##@. O triste @ianalexanderrfc é que todo mundo pode ver o quão malicioso isso é. Pornô de vingança não é uma resposta apropriada a uma coluna de jornal”, completou.

Ela ainda foi mais além e disse que não é errado gostar de tirar fotos nuas. “Deixe-me ser bem clara sobre isso: eu tirei fotos nuas antes. Eu fiz modelagem de fetiche. Eu até trabalhei fazendo shows na webcam. Essas não são coisas das quais eu me envergonho. A sociedade é que diz que você tem que se envergonhar – mas eu me recuso a aderir a essa narrativa”, esclareceu, reforçando que ela só é o alvo de humilhação e vergonha por ser mulher.

O site xHamster enviou um comunicado à imprensa, informando iria retirar todas imagens da jornalista do ar.